O que é necessário para projetar escolas e clínicas médicas: conheça os princípios básicos

número whats

Projetar edifícios é uma das principais demandas para profissionais de Arquitetura, e um projeto bem executado é o diferencial para o objetivo o qual se propõe com o uso das instalações seja alcançado. O arquiteto precisa pensar em todas as implicações e nos impactos tanto para os usuários do projeto como para a sociedade. Inspirado no famoso livro “Manual do Arquiteto Descalço” de Johan Van Legen seguem algumas informações importantes e princípios básicos sobre como projetar escolas e também clínicas médicas.

Uma grande questão em relação a esses edifícios é justamente a possibilidade de ampliação quando a capacidade de uso se torna inviável, portanto, é essencial que se deixe um local adequado para isso.

edificio1

Imagem: Manual do Arquiteto Descalço – Johan Van Lengen

Para garantir um crescimento adequado, recomenda-se algumas possibilidades com exemplos para este tipo de construção. O autor Van Legen, inclusive, nos diz ser preciso pensar nas consequências quando projetamos um edifício muito grande. Haverá mais movimentos de carros e será necessário espaço para estacionamento. Deve-se, também, de acordo com o livro, delimitar bem os acessos do público e dos serviços.

ESCOLAS:

edificio2

Fonte: Manual do Arquiteto Descalço – Johan Van Lengen

Distribuição dos espaços:

edificio3

Imagem: Manual do Arquiteto Descalço – Johan Van Lengen

A planta básica serve tanto para acréscimos laterais quanto na frente:

edificio4

Imagem: Manual do Arquiteto Descalço – Johan Van Lengen

E pode se adaptar a terrenos inclinados:

edificio5

Imagem: Manual do Arquiteto Descalço – Johan Van Lengen

Os espaços estão em três níveis, subindo da esquerda para a direita, do nível 1 para o nível 3, que está mais alto.

edificio6

Imagem: Manual do Arquiteto Descalço – Johan Van Lengen

Aqui os espaços estão também em três níveis, mas agora sobem de frente para trás e depois para os lados.

Vale lembrar que, outras funções poderão surgir á partir do momento que a escola cresce, requerendo espaços especiais para tal.

Como exemplo é possível citar:

– sala grande para ginástica e conferências, que servirá também para as festas e reuniões sociais;

– oficina de capacitação de pais e alunos a qual pode servir também como ferramenta de auxílio à comunidade

Em geral, o tamanho das escolas primárias deve ser moderado (não muito grande). Caso a comunidade cresça, outras escolas devem ser construídas. O intuito disso é que escolas primárias tenham o menor número possível de alunos em sala de aula e as escolas fiquem próximas á casa dos alunos. Outra questão importante é a de que as escolas devem ser localizadas em zonas as mais tranquilas possíveis, como longe de avenidas muito movimentadas ou estradas.

Ao projetar escolas, o arquiteto também necessita pensar em terrenos longe de zonas industriais ou outras atividades barulhentas ou contaminantes e utilizar os mesmos tipos de materiais usados nas casas da região, a necessidade disto é que a escola precisa se adequar à realidade da comunidade e não ser um elemento estranho.

O ideal é que em volta do edifício da escola se plante árvores ás quais propiciarão sombra e frutos aos alunos.

número whats

CLÍNICA MÉDICA:

edificio7

Fonte: Manual do Arquiteto Descalço – Johan Van Lengen

  • Distribuição dos espaços:
    edificio8

    Imagem: Manual do Arquiteto Descalço – Johan Van Lengen

  • Descrição do uso dos espaços:

A: A área de recepção e espera serve para o primeiro contato com os pacientes. Uma enfermeira e recepcionista decide se o tratamento é imediato ou necessita da intervenção de um médico.

B: As salas de exames são vários quartinhos com área para trocar de roupa, mesa para instrumentos e uma cama.

C: O laboratório é para exames simples, e é usado também para guardar instrumentos e equipamentos médicos.

D: A despensa serve para guardar os remédios e os materiais da enfermaria (lençóis, por exemplo). Também é usada para distribuir remédios aos pacientes internados.

E: A sala de pequenas cirurgias é para operações de emergência.

F: A enfermaria é usada para recuperação de cirurgias, por exemplo, partos e casos de tratamentos locais.

G: Uma cozinha para preparar a comida dos doentes e dos funcionários.

H: Os banheiros

I: Sala de funcionários, para descansar, mudar de roupa e guardar objetos pessoais.

Os acréscimos para fazer uma clínica com mais serviços médicos são assim:

edificio9

Imagem: Manual do Arquiteto Descalço – Johan Van Lengen

  • (1) parte central, acrescida de uma parte com mais camas (2) e outra parte com mais consultórios clínicos (3)

O projeto de um arquiteto é primordial para a ampliação de uma clínica médica, já que uma planta mal projetada poderá ocasionar grandes perdas de tempo e de circulação nesse tipo de estabelecimento. O clima local também é um fato de extrema importância, já que os pacientes não podem ficar expostos nem ao calor e nem a umidade – e de forma inteligente, utilizar o menos possível a climatização e iluminação artificial.

Como em estabelecimentos médicos utilizam-se muitos equipamentos que requerem energia elétrica e água, deve-se pensar muito bem os locais estratégicos para canos, torneiras e tomadas. E as salas de radiografias necessitam de acabamento especial para que a radiação não prejudique as pessoas em outras salas.

Um outro fator à ser pensado é o acesso à clinica, o qual deve ser fácil, com uma localização central, mas ao mesmo tempo em uma zona o mais tranquila possível. As recomendações acima para as escolas quanto ao uso de materiais e utilização de vegetação também se aplicam às clínicas.

O arquiteto precisa no projeto pensar em entradas segregadas de pacientes, emergência e de alimentos ou produtos de limpeza. A fachada precisa ser ampla e protegida do sol e da chuva.

número whats

Sobre 44 arquitetura

A 44 Arquitetura é um escritório particular pertencente aos sócios Cássio Wetterich e Luiz Carlos Lara localizado no interior do estado de São Paulo. Ficou conhecido no Brasil através de sua página no Facebook a qual se tornou uma das mais populares no segmento devido a seu conteúdo atualizado e diversificado relacionados com o as áreas de Arquitetura, Urbanismo, Design e Engenharia!
PRMEIO BANNER BLOG